Redes móveis na Ásia e na Europa suspendem pedidos de smartphones Huawei

30 de abril de 2020 0 42

Em mais um golpe nos negócios de smartphones da Huawei nas restrições comerciais do governo Trump à empresa, as principais redes móveis da Ásia e da Europa estão suspendendo os pedidos de smartphones da Huawei em suas redes.

A Vodafone, a segunda maior operadora do mundo, interrompeu as encomendas para o smartphone 5G da Huawei, o Mate 20X no Reino Unido. Um porta-voz da Vodafone UK disse à CNN que “essa é uma medida temporária, enquanto existe incerteza em relação aos novos dispositivos Huawei 5G”.

No Reino Unido, a EE adiou a introdução do novo Huawei Mate 20X, apesar de já ter divulgado o smartphone por suas redes 5G.

Fora da Europa, a NTT Docomo, empresa de telecomunicações japonesa, anunciou que parou de fazer pré-encomendas para o Huawei P20 Lite, que estava programado para ser lançado no país no próximo mês. Outras grandes operadoras japonesas – KDDI e Softbank Corp. – também anunciaram que adiarão o lançamento do smartphone.

Esses novos relatórios são os mais recentes de uma onda de empresas, tanto norte-americanas quanto externas, restringindo as atividades comerciais da gigante chinesa. Depois deGoogle restringiu a licença Android da Huawei, empresas como Intel, Microsoft, Broadcom e BRAÇO também suspenderam os negócios com a Huawei e o Google removeu o Mate 20 Pro a partir do seu Android Q beta. No entanto, com as operadoras de celular proibindo basicamente as vendas de telefones da Huawei, a empresa parece estar enfrentando grandes problemas em um futuro próximo, no que diz respeito aos negócios de smartphones.

>

Notícia